25 de julho de 2010

Passado

Hoje eu desejo que você seja feliz. Agora eu espero que sua vida seja de ventura, alegria, contentamento. Mas nem sempre foi assim. Já quis que seu dia fosse nublado, cinza, na inconstante iminência de chuvas e tempestades. Quis seu jardim sem flores, seus quadros sem cores, seu corpo sem odores, sua saudade sem amores. Imaginei sua vida na solidão de um ponto que se apaga no infinito. Naquele escuro breu que camufla a existência. Desejei que a espada fincada em meu peito passeasse por seus órgãos com o frio do metal. Assim talvez lhe pudesse ser possível discernir claramente a dor que seu ato fez instalar em mim. Pensei que o melhor seria que vivesse no limiar da indecisão e, como eu, de supetão, visse a demolição do que acreditava. Cairia alucinado no chão, choraria sem previsão de término, definharia com a tristeza de triste surpresa. Julguei que seria justo ver olho por olho, dente por dente. A chamada pena de talião, da época da Babilônia, uma das mais antigas existentes. Aquela que apoia a reciprocidade, a retaliação. Quis isso. Quis mesmo. No entanto, o tempo se esvaiu, as lembranças foram apagadas da memória e a dor parecia um ponto no íntimo que o orgulho tentava sustentar. Mas eis que o reencontro me trouxe a suavidade, a harmonia, mostrou-me que de desculpar eu era capaz. Senti que o perdão absolvia e dissolvia a mágoa que eu não queria largar. Aquela era a justificativa que ainda restava para o nosso fracasso. Era o que não me deixava sentir o que entendi como desprezo, mas que era apenas a certeza de que não éramos infinitos. E era só isso. Sem dramas, catástrofes, tragédias. Foi apenas a calamidade que me flagelou naquele tempo lá atrás. Agora estamos frente à frente e, bem diferentemente de antes, podemos conviver em paz. Sem amores. Amigos talvez. Nada mais.

12 comentários:

  1. Nada como o tempo pra esfriar tudo de vez... ainda bem.

    Lu, sempre carinhosa com o casal aqui. Agradecemos de verdade.

    até mais.

    Jota Cê

    ResponderExcluir
  2. Este processo dolorido,mas rico,nos faz crescer tanto.
    e ao decobrir em nós capacidade de entendimento que leva a superação.
    Vemos o quão humanas (no sentido REAL da palavra) somos.

    afagos humanizados cheio de admiração

    ResponderExcluir
  3. Eu prefiro sempre não desejar nem bem, nem mal. Normalmente para mim tanto faz...
    Tb detesto dramas, tragedias e todos os etcs....que acompanham.
    ao meu lado só anda quem vale a pena.
    ou enquanto valer....
    e que seja eterno enquanto dure.
    Maurizio

    ResponderExcluir
  4. Conheço bem cada linha desse texto. Da tempestade à chuva fina e quase com sol.

    E me sinto tão melhor em não cuspir enxofre ao falar desse passado. Agradeço por poder DESCANSAR.

    Adorei. De verdade!

    ResponderExcluir
  5. Ódio e amor, raiva e perdão. São sentimentos muito complexos, e que nos fazem sofrer muito.

    ResponderExcluir
  6. Ódio, amor, raiva, perdão,ignorar. Todos são sentimentos.

    Não importa.


    Lu minha linda! Saudades!

    Bjos!!

    ResponderExcluir
  7. Moça parabéns, ficou ótimo.
    O tempo apaga muito do que nós achamos que somos.
    Bju!

    ResponderExcluir
  8. Lu,

    O que sinto quando chego aqui é que nada impede sua essência de transformar. Cada texto um deleite, você sabe emocionar.

    Beijo imenso, menina linda.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  9. Obrigado por visitar meu blog.Estou sempre vindo por aqui também. Felicidades para você.Caso interesse contato comigo ,meu nº é 9102-2013. Desejo manter a amizade mesmo à distância. Estou preste a editar um livro,e pretendo enviar um exemplar aos meus amigos do blog.Logicamente,um exemplar a cada um dos que manterem contato.Grátis. Seja feliz,bom domingo. E Até Breve. Antonio.
    1º de agosto de 2010.

    ResponderExcluir
  10. Você passou por momentos muito difíceis, é inegável. Eu os conheço por experiência própria e prefiro não lembrar deles. É verdade que a vivência nos amadurece, mas infelizmente, não nos torna imunes.
    Caríssima, vim conhecer você e seu blog e gostei muito. Já estou te seguindo.
    Apareça sempre no Chocolate pois será muito bem vinda.
    Beijos e uma semana maravilhosa pra vc.

    ResponderExcluir
  11. Oi Lu!!
    Passei aqui p conhecer o teu blog... já que eles são "gêmeos" no nome... heheh... e tmb p agradecer pela tua visita...
    tmb vou voltar por aqui...

    Bjssss
    Fernanda

    ResponderExcluir
  12. Oi Lu!

    Só hoje consegui passar por aqui para agradecer sua visita!

    Adorei sua postagem!!

    Parabéns pela criatividade!

    Beijos
    Lia

    Blog Reticências...

    ResponderExcluir